Menu

domingo, 31 de março de 2013

Sugestão de degustação de brigadeiros e feliz páscoa!

Caros leitores! O post de hoje é um post rápido para desejar a todos vocês e às suas famílias uma ótima páscoa, espero que todos tenham tido a oportunidade de aproveitar com suas famílias ou com as pessoas que gostam, como eu tive. No final das contas, é isso que importa: estar ao lado das pessoas que ama. É claro que todos gostamos de chocolate e dos pratos típicos desta época, mas nada faz sentido se não estamos, mesmo que apenas na intenção, perto das pessoas que amamos.

Aproveito para deixar uma dica de degustação, para os que se interessam no assunto, de brigadeiros e chocolates sendo oferecida pelo restaurante Alessandro & Frederico, localizado em Ipanema aqui no Rio de Janeiro. O prato é bem interessante, vem diversos brigadeiros em palitinhos com sabores variados e bem ricos para degustação dos chocolates. O preço desta degustação é 19,90 R$, bem acessível para quem gosta deste tipo de experiência. Fica a dica!

Fonte: Rio Show

Em breve postarei a receita de Bacalhau ao Zé do Pipo que preparei para esta páscoa, ficou divino. Aguardem!

Abraços


sexta-feira, 29 de março de 2013

Receita: Risoto de camarão

Olá meus caros! Hoje é sexta-feira santa, um dia com um significado religioso para muita gente. Este significado é tanto que para muitas dessas pessoas significa seguir uma tradição onde não é permitido consumir nenhum tipo de carne vermelha. Seja por religiosidade, superstição ou costume, as pessoas seguem a tradição de tal forma que a sexta-feira santa se tornou um dia típico para se comer frutos do mar.

Seguindo está tradição, a receita de hoje do Mundo Gastronomic é um risotinho bem fácil de fazer e saboroso, um risoto de camarão. Vamos ver como se faz?


Características


CategoriaPrato principal
Tempo de preparoAproximadamente 30 minutos
Rendimento4 porções
ComplexidadeMuito simples


Ingredientes 


- 500 gramas de camarão (de preferencia graúdo)
- 1 copo e meio de arroz
- 1 sache de tempeiro meu arroz
- 1/3 sache de molho de tomate já pronto
- 3/4 de xícara de chá de salsinha
- 5 dentes de alho
- meia cebola pequena
- sal


Preparo


Esta é uma receita bem simples, bem rápida de fazer. Vamos começar pelo preparo do arroz.

Descasque 2 dentes de alho, esprema-os e coloque para dourar em uma panela média em fogo alto com duas colheres de sopa de óleo. Quando estiver douradinho, aplique o arroz e vá misturando o tempero meu arroz, mexendo bem para pegar o tempero. Logo em seguida, aplique 3 copos de água e tampe a panela. Deixe a água ferver, e quando estiver fervendo, abaixo o fogo para o mínimo. Deixe a água baixar e quando não houver mais água, apague o fogo. Para verificar se não há mais água, penetre o arroz com um garfo, se voltar seco, estará no ponto.

Limpe os camarões, removendo a casca e aquele filete preto em seu interior. Pode utilizar a pontinha de uma faca para ajudar nisto, sem trucidar o camarão, é claro! Tempere cada camarão com um pouquinho de sal.

Agora, este passo é opcional, você pode cortar o camarão em pedacinhos ou deixar inteiros, fica por sua conta, como você preferir. Neste preparo, utilizamos uma tesoura para contar em pedaços, de forma bem prática.


Descasque o alho restante e corte em rodelas. Pique a cebola em tamanhos bem pequenos. Em uma outra panela de tamanho médio, acenda em fogo alto, aplique dois filetes de óleo e jogue as rodelas de alho e a cebola. Deixe ficar bem douradinha. Logo em seguida, coloque o camarão e deixe pegar cor, mas não pode ficar muito tempo, ou ele fica duro. Não deixe mais que 1 minuto.


Aplique o molho de tomate, de pouquinho em pouquinho, não precisa ser muito molho. Aplique também um pouco de água para dar volume, mas não precisa ser muito, 2 ou 3 dedos de um copo devem ser o suficiente. Logo em seguida, aplique a salsinha já picadinha e vá corrigindo no sal até ficar no seu gosto. Se quiser, pode acrescentar uma pitadinha de pimenta também, tem gente que não gosta, mas dá um sabor legal.



Por fim, misture o arroz da outra panela junto com esse molho e misture, delicadamente, ou o risoto pode ficar empapado. Não coloque todo o arroz de uma só vez, vá jogando aos poucos e misturando, sempre com leveza.

Sem dificuldades! Esse prato é bem fácil. Por fim, corrija no sal se achar necessário.




Sirva com azeite extra virgem!


Bom apetite e até a próxima!




terça-feira, 26 de março de 2013

Receita: Quiche de espinafre com mussarela

Caros leitores! Como vão vocês neste início de semana? Hoje é dia de receita, estão prontos para mais uma das boas? Essa receita fiz já há alguns dias e por pura falta de oportunidade não fiz mais vezes, pois ficou simplesmente uma delícia. Fiz no fim de semana e deu um ótimo rendimento, sobrou para comer durante a semana, mas estava tão boa que acabou rapidinho!

A receita de hoje é a de Quiche de Espinafre com Mussarela! Eu gostei muito dessa, e espero que vocês também curtam! Mas antes de passar essa maravilhosa receita, vamos falar um pouco da origem do quiche, um preparo que caiu na boca do povo como uma alternativa mais leve para as tortas que nós brasileiros adoramos.

Feito com uma massa tradicional à base de manteira e um recheio geralmente feito com base de ovos e creme de leite, é um prato tradicional da culinária francesa, mas sua verdadeira origem foi na Alemanha por volta do século XVI, feita originalmente com creme de leite, ovos e toucinho. Apenas depois foi adicionado o queijo a receita, dando origem à quiche Lorraine.

Depois de um pouco de história, vamos ao que interessa! Ao trabalho!


Características


CategoriaAcompanhamento
Tempo de preparoAproximadamente 1 hora e 10 minutos
Rendimento8 fatias
ComplexidadeIntermediária


Ingredientes para massa



- 80 gramas de manteira (cerca de meio tablete)
- 2 xícaras de chá de farinha de trigo
- 4 colheres de sopa de creme de leite
- duas pitadas de sal

O creme de leite utilizado na massa a deixa mais leve, típica dos quiches. 


Ingredientes para o recheio


- 1 chumaço de espinafre fresco e lavado
- 3 dentes de alho
- 1/2 cebola
- 2 ovos
- 1 xícara de leite
- 1 xícara de creme de leite
- 100 gramas de queijo mussarela
- 3 colheres de sopa de azeitona fatiada
- queijo ralado para gratinar
- orégano e sal a gosto

Preparo


Antes de mais nada, para esta receita você vai precisar de uma forma sem fundo de 20cm de diâmetro. A receita é relativamente jogo rápido, apesar de ser considerada intermediária. Vamos começar pela massa.



Pegue um recipiente de tamanho médio e misture a manteiga e a farinha de trigo com as mãos. Vá acrescentando aos poucos as 4 colheres de creme de leite e continue misturando, até formar um bolo de massa. Aplique o sal (mais se a manteiga for sem sal).





Pegue a forma sem fundo e vá aplicando a massa ao redor e no fundo da forma, cobrindo toda área. Deve ficar como na da foto a seguir.

Pré-aqueça o forno e leve a massa por cerca de 10 minutos à 200º C. Uma vez pré-assada a massa, reserve e prepare-se para fazer o recheio.


Em outro recipiente, bata os ovos e misture 1 xícara de leite, 1 xícara de creme de leite e toda a mussarela, já picadinha, e o orégano e um pouco de sal. Misture bem até ficar um creme uniforme. Reserve para aplicar no final por cima de tudo.

Enquanto isso, vá enchendo uma panela com água, deixe ferver e acrescente o espinafre já lavado. Deixe por 2-3 minutos e em seguida escorra.



Pegue o espinafre já escorrido, pique disformemente e em uma panela de tamanho médio acrescente 3 colheres de sopa de azeite e coloque o alho espremido e a cebola já picadinha. Deixe dourar bem.

Quando o alho e a cebola já estiverem dourados, acrescente o espinafre e a azeitona. Deixe refogar um pouquinho de nada e vá corrigindo o sal, experimentando de tempos em tempos.

Agora, pegue o espinafre e coloque na massa reservada, utilizando uma colher de pau para espalhar pelo fundo. Por cima deste recheio, aplique a mistura de queijo com leite e ovos e por fim capriche no queijo ralado.

Coloque a forma no forno em temperatura média (200º C) por cerca de 30-40 minutos ou até o recheio ficar bem dourado.

Agora basta só deixar esfriar um pouco e com cuidado remover o fundo da forma e aí está seu Quiche!



Bom apetite e até a próxima!




domingo, 24 de março de 2013

Kopenhagen tem ovo de 10 kg para páscoa

Olá pessoal, boa noite. Hoje vim postar sobre um fato curioso. A Kopenhagem, marca conhecida por seus chocolates de excelente qualidade, está mais uma vez apostando em uma estratégia no mínimo extravagante. Esta páscoa, como vêm ocorrendo nos últimos anos, alguns estabelecimentos da marca estão vendendo ovos com até 10 kg de puro chocolate.

É difícil imaginar público alvo para um ovo deste tamanho, mas se está assim há anos e eles continuam apostando neste estratégia, provavelmente tem sim gente que compra um ovo assim. Só, sinceramente, não consigo imaginar quem. E não porque os ovos não são bons, pelo contrário, são alguns dos melhores que já vi, o fato é que realmente é muito grande. Difícil uma pessoa só conseguir comer tanto chocolate, por melhor que seja!

O preço deste pequeno ovo é proporcional ao seu tamanho. Míseros 1.800 reais. Tem que realmente querer muito!

Este ovo especificamente se encontra disponível no shopping Rio Sul, aqui no Rio de Janeiro. É só ir na loja da Kopenhagen e será possível ver o tremendo ovo à mostra. E para provar que não estou mentindo, aqui vai uma prova!


Quem sabe um dos leitores do blog não é um chocólatra disposto a comprar um desses?

Abraços e bom fim de sábado!











quarta-feira, 13 de março de 2013

Receita: Salmão grelhado temperado no molho de ervas

Ola pessoal, como vão todos? A receita de hoje é uma daquelas que, tendo a posta certa, você faz rápido, sem muito estresse e sai um pratão, é o Salmão grelhado temperado no molho a base de ervas. Todos sabem né, salmão é um peixe muito fácil de trabalhar, então com os temperinhos certos você faz uma delícia, sem muito estresse!

Vamos ao trabalho.


Características


CategoriaPrato principal
Tempo de preparoAproximadamente 30 minutos, sem contar 1 hora de molho 
Rendimento5 filés para 850g de salmão
ComplexidadeMuito simples


Ingredientes



- 850 gramas de salmão
- 2 limões
- 3 dentes de alho
- 2 colheres de chá de tomilho
- 3 ramos de salsinha inteira
- sal a gosto
- tempero ajinomoto a gosto
- azeite ou óleo




Preparo


Como eu disse, é uma receita muito simples, então vamos sem rodeios.


Pegue o salmão inteiro, se for necessário limpe-o, mas deixe parte da pele, é justamente ela que dá o gostinho especial. Corte em postas utilizando uma faca afiada e reserve.

Descasque e esprema os alhos. Corte os limões ao meio e extraia o suco, mas deixe uma das metades do limão reservada, virada do avesso. 



Pegue uma bacia de tamanho suficiente para acomodar as postas, coloque-as na bacia e  regue com o suco do limão. Em seguida você vai pegar cada posta e esfregar a metade do limão virada ao avesso em cada uma delas. Deixe as postas de molho no suco e reserve.




Pegue um liquidificador e junte o tomilho, salsinha, os alhos espremidos e mais 2 dedos de água, junto com uma pitadinha de sal. Bata tudo, formando um molho de ervas. Despeje este molho na bacia, por cima das postas.

Pegue novamente cada posta e tempere com sal e ajinomoto a gosto. Coloque as postas novamente de molho por cerca de uma hora.


Pegue uma frigideira, aplique o azeite ou o óleo (com azeite fica mais saboroso mas é bem menos saudável) e esquente em fogo alto. Após alguns segundos, com a frigideira quente, aplique parte das postas, o quanto couber, dando uma folga entre elas. Deixe grelhando e vire após alguns instantes, grelhando do outro lado.

Por fim, se quiser, enfeite com uma cebolinha picadinha e sirva com legumes ao vapor. Fácil essa, não?




Abraços e até a próxima!


domingo, 10 de março de 2013

Cervejas artesanais e bolinho de feijoada é no Colarinho


Olá todos! Hoje vim deixar a recomendação de um excelente estabelecimento relativamente novo, mas que já está dando o que falar. Com cerca de 2 anos e meio de atuação, já conquistou uma clientela fiel. Estamos falando do Botequim Colarinho, em Botafogo, Rio de Janeiro. Chopes e cervejas da melhor qualidade, com petiscos especiais e variados, é lá mesmo.

Localizado estrategicamente em frente ao metrô da estação de Botafogo, em um novo pólo em crescimento, o estabelecimento já conta com clientes fiéis deste a sua recente inauguração, em 2010.

Durante a noite o local está sempre cheio, então não é muito aconselhável para grandes grupos de pessoas, a não ser que o grupo vá cedo para pegar lugar. No fim de semana durante o dia, o ambiente é tranquilo e perfeito para passar um tempo com os amigos. Para um happy hour depois do trabalho, eu diria que cai como uma luva.


A primeira pergunta que surge é: o que faz deste local tão diferente dos vários bares e botequins que existem por aquela região? Uma pergunta simples, mas a resposta nem tanto, mas vamos começar falando da localização e ambiente. O fato de ter sido escolhido em um local em crescimento, com vários concorrentes na região, porém que não estão exatamente neste pólo, bem em frente ao metrô, faz do botequim um ponto de parada, quase um oásis para o mochileiro de passagem. A ambientação do local é condizente com a sua imagem: relembra a boa e velha boêmia carioca. Com torneiras de chope penduradas no teto e mesinhas dispostas do lado de fora, chama a atenção de quem está passando.

Chopes e Cervejas

Este é um dos pontos fortes do estabelecimento, dá para ver que os donos trabalharam bem esta parte. Surpreendentemente, o local não possui cervejas em garrafa tradicionais, como Antartica ou Skol, apenas cervejas em garrafa importadas ou artesanais, mas isto não faz a mínima falta. Na verdade isto é um dos atrativos do lugar. Apreciadores de cervejas, como eu, podem ir lá e encontrar diversos tipos de cervejas importadas, nacionais e artesanais. Com um preço diferenciado, é claro, mas algumas não tão caras assim. Lá eu tive a oportunidade de beber uma cerveja que conheci na Inglaterra, a Guinness. Me surpreendi, não esperava encontrar essa cerveja assim em plena botafogo! O preço é sim acima do normal, mas a relação custo/benefício é bem generosa.

O local oferece também uma variação incrível de chopes. É difícil encontrar outros lugares com tanta variação de chopes e cervejas como podemos ver no Colarinho. Mesmo os chopes tradicionais possuem uma variedade que atrai as pessoas, oferecendo por exemplo o chope da heineken além do tradicional chope da brahma.

Eles possuem um conceito chamado "torneira convidada", onde de tempos em tempos eles anunciam em seus canais da internet a chegada de algum chope diferente dos que são servidos tradicionalmente, que você pode chegar lá e experimentar, então você sempre pode encontrar chopes diferentes quando for lá. Coisa de primeira!






Petiscos

Outro ponto forte do estabelecimento são os seus petiscos. Eu tive oportunidade de conversar com a chefe sobre um dos mais diferenciados petiscos do local, o bolinho de feijoada.


O petisco está disponível no cardápio desde a inauguração do estabelecimento e acabou se tornando um dos petiscos típicos do local. Por fora uma massa fina, levinha, diferente daqueles petiscos oleosos que a gente encontra por aí. Por dentro um recheio robusto, uma feijoada tipo tutu com pedaços de calabresa e couve. Uma mistura atípica para um bolinho, criativa e deliciosa. Vale a pena experimentar!

Existem diversos outros petiscos e pratos mais tradicionais que saem muito, como pasteizinhos, porções para beliscar, pratos para duas pessoas, a pratos executivos para quem quer almoçar durante o dia.


Negócio próprio

Um dos pontos que eu achei interessante é que o local não é uma franquia, e sim um negócio próprio com todo o potencial de se deslanchar por aí e abrir em novos locais. Uma hora ou outra isto terá que ocorrer, pois aquela filial em frente ao metrô já está ficando badaladíssima e não tem muito para onde crescer.



É isso ai pessoal, Fica a recomendação! Abraços e até a próxima!







segunda-feira, 4 de março de 2013

Receita: Torta cheesecake de morango com chantily



Caros! Este fim de semana resolvi dar uma caprichada na cozinha e fazer uma torta que estou a fim de fazer há um bom. Nossa, vou dizer que deu um prazer danado fazer, comer então é um pecado, se eu continuar assim não sei onde vou parar! 


Para o post de hoje fiz uma deliciosa torta de cheesecake de morango, com uma receita do Chef Allan Vila Espejo, levemente modificada. Esta sobremesa é leve e ótima para o verão. Apesar de classificar como nível intermediário, pela quantidade de passos, não é muito difícil de fazer, na verdade uma vez pegando o jeito, é bem prática. Ao trabalho!



Características


CategoriaSobremesa
Tempo de preparoAproximadamente 1 hora
Rendimento10 porções
ComplexidadeIntermediário


Ingredientes


Ingredientes para massa


- 60 gramas de manteiga fria
- meio pacote de biscoitos de maizena
- 1 colher de sopa de chocolate em pó







Ingredientes para o recheio


- 330 gramas de ricota fresca
- 1 pote e meio de cream cheese (aprox. 200 gramas)
- 1 lata de creme de leite
- 2 caixas de morangos (aprox. 250 gramas)
- 1 xícara de chá de açúcar
- 1 limão
- 1 saquinho de gelatina incolor e sem sabor
- chantily


Preparo

Vamos começar pela massa, que é bem simples. Pegue os biscoitos de maizena e triture em um liquidificador até virar uma farinha fina. Utilizando as mãos, misture essa farinha com a manteiga e o chocolate em pó, formando um bolo de massa. 

Pegue uma travessa com fundo removível, cubra o fundo com a massa uniformemente. Leve ao forno em fogo baixo (180ºC), retire e deixe esfriar. Reserve.


Pegue um outro recipiente, de preferência uma batedeira (a minha infelizmente está quebrada, então misturei tudo com uma colher de pau mesmo, mas não encontrei problema nenhum), peneire toda a ricota (para isto, pode utilizar um ralador tradicional) e vá misturando com o cream cheese até formar um creme uniforme. Misture bem.


Em outro recipiente, lave os morangos e amasse-os junto com o açúcar, de forma a fazer um caldinho como o da foto ao lado, porém reserve os mais bonitos para decorar a torta no final. Deixe os morangos bem amassados, mas ainda com uns pedacinhos pequenos que podem ser percebidos ao comer a torta.





Despeje o caldo de morango junto com o creme e misture abundantemente, de forma a tornar o creme uniforme. Aplique a lata de creme de leite e misture mais um pouco, formando um creme de cor levemente avermelhada.




Pegue outro recipiente e hidrate a gelatina. Para isto, despeje o conteúdo do saquinho no recipiente junto com 5 colheres de sopa de água. O conteúdo vai engrossar, formando uma gosma espessa. Neste ponto, leve ao microondas por 15 segundos para derreter a gelatina.

Despeja a gelatina derretida no creme, aplicando por fim o suco do limão. Misture mais um pouco, delicadamente.


Estamos quase no fim. Agora pegue a massa que estava separada, Corte algumas metades de morango e decore as bordas da travessa com os morangos. Pegue o creme com todos os ingredientes do recheio misturados e despeje na travessa. Leve para geladeira por pelo menos 3 horas.




Remova a borda da forma. A esta altura a torta já deverá estar bem firme devido a gelatina e a ricota no creme. Agora vem a parte final, mas não menos importante. Use toda sua criatividade para decorar a torta. Espalhe o chantily pelas bordas, decore com morangos, vale até usar umas folhas de hortelã. Não esqueça, as pessoas comem também com os olhos!




A cara da minha ficou como esta a baixo, admito que dei uma caprichada, mas é claro que posso fazer melhor, assim como tenho certeza que você também pode!


Espero que tenham gostado! Bom apetite e até a próxima!










sexta-feira, 1 de março de 2013

TV Comida: Aprenda receitas passo a passo e fique atualizado sobre as mais recentes notícias sobre gastronomia

Olá pessoal, quis vir aqui compartilhar com vocês um site que já visito há algumas semanas sobre notícias quentíssimas sobre gastronomia, com entrevistas, receitas, vídeos passo a passo, tudo de bom. Achei muito interessante. O nome do canal é TV Comida e faz parte da Folha de S. Paulo, para acessar, basta ir no link: www1.folha.uol.com.br/comida/tvcomida/.


Em uma das últimas notícias, saiu um vídeo com uma torta de cheesecake de frutas vermelhas que eu simplesmente vou TER que fazer. E é claro meus amigos, compartilho aqui com vocês, basta clicar aqui para ver o vídeo.

O canal é bem interessante, eu vi também entrevistas bem interessantes, quem se interessa por esta área e gosta de conhecer ou se aprofundar, vale entrar e dar uma navegada. Sem falar que o site é bonito e sinceramente, nessa manhã, só de ver, dá uma fome! Tem também uma base de receitas que você pode fazer buscas.

Fica a dica, espero que curtam tanto que eu curti. 

Abraços e boa sexta para todos!