Menu

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Chocolate Lindt em lojas da Suíça - Viagem Europa - 13º dia - Parte I

Eai galera da gastronomia, espero que vocês estejam ávidos para saber o que ocorreu nestes 6 dias que faltam para acabar a saborosa aventura da viagem gastronômica de 18 dias pela Europa. Esta empreitada já me rendeu ótimos histórias, como vocês podem ver em meus posts, mas o pior ainda está por vir. Sim, estamos chegando à França, país onde comemos o prato mais fedido do mundo! Mas aguardem, isto será assunto para os próximos posts.

No post de hoje vou falar sobre nossa brevíssima estadia na Suíça. Se tivermos ficado lá mais que 3 horas foi muito. É uma pena, pois deste país rico, com grande quantidade de mão de obra especializada, gostaríamos de ter trazido muito mais. Afinal, quem nunca ouviu falar do canivete suíço? Ou dos relógios da Suíça? O povo de lá se especializou ao longo dos anos na fabricação de produtos específicos, acabando por se mostrarem verdadeiros mestres no que fazem. O chocolate suíço então, nem se fala, eles fazem chocolates finos que são padrão mundial, destacando-se pela qualidade e excelência.

Se vocês bem se recordam, foi de lá que eu trouxe uma caixa de chocolates Lindt que mencionei em um post anterior. Pois bem, lá eu comprei muito, muito, muuuito chocolate. Sim, vocês me perguntam, o motivo é que o chocolate de lá está entre os melhores do mundo? Não só por isso, o outro motivo é que o chocolate de lá é muito, muito, muuuito barato. Sem exageros, você já imaginou comprar um chocolate de boa qualidade por 50 centavos? O preço de algumas barras de 100g lá, convertido em real, dava isso mesmo. Sem exagero!

Hoje não vou nem falar do que almoçamos naquele dia, pois nem vale a pena (McDonalds). Mas tenho muito a falar dos chocolates que compramos, de fato tenho tanto a dizer que nem vou entrar em detalhes sobre os chocolates como eu gostaria. Vou deixar para outros posts, onde falarei especificamente sobre cada chocolate.

Antes de falar dos chocolates, como sempre escreverei um pouco sobre a geografia e história do lugar.

Situada na Europa Central, Suíça faz fronteira com Alemanha, Itália, França, Áustria e Liechtenstein. Composta por um território de aproximadamente 41 mil m2, possui por volta de 7,8 milhões de habitantes. O povo deste país é batalhador, robusto, podendo ser considerado um povo "bravo", por assim dizer, pois sempre teve que batalhar para se estabelecer e sobreviver nas regiões geladas do país. Este país é considerado neutro, pois por possuir uma formação de montanhas e alpes que protegem o território, raramente houveram outras nações que ousaram invadir o lugar, se tornando hoje em dia cenário para diversas reuniões diplomáticas que ocorrem, como o encontro da ONU. Nos séculos mais antigos, este "bravo" povo possuía mercenários durões, que até hoje são conhecidos por terem salvado a vida do papa, ganhando o respeito da igreja. Mais detalhes podem ser vistos neste link do wikipedia.

Vamos então voltar a falar dos chocolates. No post de hoje vou falar das barras de chocolate Lindt que compramos.

Chocolates Lindt


Eu já havia experimentado este espetacular chocolate antes, mas nunca imaginei que teria a oportunidade de ir direto na fonte experimentar uns tabletes. Como já falei anteriormente neste blog, para mim é um dos melhores populares chocolates finos do mundo. 

Lindt Au Lait

Chocolate ao leite tradicional cremoso. Como todo chocolate Lindt, derrete na sua boca. 




Lindt Cresta

Chocolate ao leite com cristais crocantes. Muito bom também, para quem gosta deste estilo de chocolate.




Lindt Double Lait

Este eu não cheguei a experimentar, vou ter que deixar para falar dele depois. Mas dá água na boca só de pensar o gosto deste. Será que é parecido com o de extra milk?


Lindt Lindor

Aqui vai o melhor da seleção. Lindt Lindor ganha disparado. Chocolate ao leite com um chocolate cremoso por dentro, é um chocolate que acaba bem rápido, você não quer parar de comer. 


Lindt Milchnuss

Chocolate ao leite com avelãs. Crocante, irresistível. Não cheguei a experimentar desta barra, mas imagino que deve ter avelãs inteiras, como outro que degustei.





Esta embalagem, que veio com as 5 barras, custou se não me engano uns 10 francos suíços, que dá 8.27 euros, uns 18,74 reais. O problema foi que não comprei no mercado, e sim em uma loja de relógios, a loja da Rolex por incrível que pareça. Foi no mercado que compramos chocolate suíço à preço de banana, literalmente! Mas disto vou falar em outro post. Por enquanto me depeço com belas fotos dos alpes suíços. Valeu!







4 comentários:

  1. Em que mercado você comprou chocolate na Suíça a preços tão baratos como você diz?
    Josi

    ResponderExcluir
  2. Oi Josi,

    Foi em um mercadinho que achamos andando por uma das ruas principal, paralela aquela rua do relógio de flores, sabe de qual estou falando? Não sei exatamente dizer os nomes das ruas e dos locais, desculpe, mas foi explorando mesmo.

    Lembro que era perto da loja da Rolex, e o preço lá na loja da Rolex era tipo, 3x mais caro.

    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  3. Obrigado por responder!
    Vou tentar encontrar o tal mercado quando voltar lá em novembro... :)

    Josi

    ResponderExcluir