Menu

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Prato vegetariano em Florença - Viagem Europa - 8º dia - Parte II



Fala pessoal, como estão vocês? Prontos para mais sabores da Itália? Hoje o lance é um pouco diferente. Nós comemos em um restaurante 100% vegan, sabem o que isso significa? Provavelmente sim. Vou lhes dizer: nenhum alimento à base de carne, lacticínios, gelatina, mel ou qualquer tipo de alimento de origem animal. Pois bem, quando digo-lhes isso alguns podem estranhar. Mas o que realmente impressionou é que mesmo assim, os pratos vegetarianos estavam ótimos! Sinceramente nunca havia comido uma sopa de legumes tão apetitosa. E uma berinjela, quem diria? Nem o queijo ralado era de origem animal.

Nos localizando na viagem gastronômica à Europa, saímos de Veneza perto do fim da tarde deste 8º dia e partimos direto para Florença. Desta bela cidade vale a pena falar sobre, mas isto será amanhã. Neste 8º dia chegamos no fim da noite, já às 9 horas, e após as aventuras em Veneza mais cedo neste dia, estávamos cansados demais para se aventurar pela cidade. Logo, fomos procurar algum restaurante perto do hotel.

O primeiro restaurante que encontramos foi o vegetariano. A princípio não havíamos percebido que era vegetariano, apesar do nome, Dolce Vegan. Mas depois que percebemos, já estávamos la dentro, então resolvemos ficar.


 

Demos uma rápida olhada no cardápio, mas como não entendíamos muito os nomes dos pratos, chamamos a garçonete. Ela até que era solicita, mas não ajudou tanto, mas não por culpa dela, acreditem. Acabei pedindo um prato que eu não sabia o que era. Para acompanhar, um vinho. Minha esposa pediu uma água.

Pouco tempo depois, chegaram o vinho e a água, acompanhados de uma cestinha de pães que quase pareciam umas broas. Mesmo sendo um vinho barato, bate de frente com vinhos mais caros que eu tomo no Brasil, espetacular. Aliais, todos os vinhos que tomei na Itália, um melhor que o outro, todos eram bons. 


Após bebericar um pouco deste ótimo vinho e beliscar alguns pãezinhos, a comida chegou. Para a minha esposa, a sopa de legumes, muito apetitosa. Para mim, a berinjela gratinada, acompanhada com umas batatinhas coradas. 



O prato estava muito bom, levinho. Junto com as batatas e os pãezinhos, fiquei satisfeito. Valeu a pena ter curtido um restaurante vegetariano na Itália!

Com isso pessoal, vou terminando meu post de hoje. Amanhã vou contar para vocês sobre minhas aventuras por Florença, onde tivemos a oportunidade de experimentar um excelente sorvete Italiano. Me despeço postando um mapinha para o restaurante. Ah, e para os que se interessaram, segue um link com comentários sobre o restaurante.  Um abração!






Exibir mapa ampliado




0 comentários:

Postar um comentário